A sua primeira vez em Paris: vivencie a magia

Publicado em 

A sua primeira vez em Paris: vivencie a magia

Diante da abundância de monumentos, experiências e descobertas que Paris oferece, o que escolher para a sua primeira vez na Cidade Luz?

Entrando no clima no Petit Palais

Para a sua primeira visita, Paris reserva experiências inesquecíveis. Tudo começa no Petit Palais. Dentro desse monumento com arquitetura exuberante se situa um jardim pacato. Entre a colunata e a rica vegetação, acomode-se à mesa do café. Croissants, macarons e doces desfilam na sua frente, nesse pequeno parque tranquilo. Antes de ir embora, dê uma volta pela espetacular galeria das esculturas. Mais de 30 estátuas decoram esse local com abóbadas aéreas. À sua maneira, cada uma delas ilustra o talento de grandes artistas do século XIX, como as dançarinas graciosas do escultor Serge Youriévitch.

Passear pela Champs-Élysées

Ao sair, não deixe de passear pela avenida mais linda do mundo. Nesta manhã, a Champs-Élysées desperta suavemente com o movimento nos terraços dos cafés e os passos dos primeiros observadores. No número 25, uma fachada imponente chama sua atenção. É o Hôtel de la Païva, sobrenome de uma famosa cortesã do Segundo Império. A construção do edifício e sua decoração faraônica foram grandes temas de debate na Paris da metade do século XIX.

Acima dos telhados de Paris

Olha aí, você já chegou ao imponente Arco do Triunfo, construído em homenagem aos soldados de Napoleão I. Pegue uma escada para subir ao topo e fique fascinado pela vista de Paris a 50 metros de altura. Aqui os prédios haussmannianos formam uma harmonia perfeita. À sua volta, os bulevares se perdem de vista até a colina Montmartre, grandiosa, e a Torre Eiffel mais ao longe.

Da Torre Eiffel ao Louvre

Depois de ter dado a volta para se aproximar da imperdível Dama de Ferro, caminhe pelas margens do Sena para conhecer o Museu do Louvre. Todo primeiro sábado do mês, a partir das 18h, você pode aproveitar as visitas noturnas para explorar as salas mais vazias do que de dia. Quem sabe, você poderá até mesmo se aproximar da envolvente Mona Lisa, que enlouquece a multidão de viajantes. Não se esqueça de passar pela galeria de Apollon. Sua decoração de estuque e ouro orna os tetos pintados mais incríveis de Paris.

Arte contemporânea e ópera

Você chega ao coração da capital: virando uma rua, surge a silhueta surpreendente do Centro Pompidou, voltado para a arte contemporânea. De suas escadas rolantes longilíneas, aos tubos que parecem sair das profundezas da cidade, passando pelas próprias obras, que se espalham para além do museu até a fonte Stravinsky, o prédio todo reflete o movimento.

Sua sede de arte o leva ainda mais longe. Para esta noite, você reservou um espetáculo no cenário dourado da Ópera Garnier. Se preferir admirar a prodigiosa decoração desse palácio das artes, aproveite para visitá-lo durante o dia. Associando os estilos mais variados, entre obeliscos egípcios, colunas romanas e abóbadas com ares medievais, o local reflete a imagem de Paris: fascinante e eclética.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~