O Museu da Etnografia, local de destaque no coração da arte contemporânea

arte e cultura
O Museu da Etnografia, local de destaque no coração da arte contemporânea

Recentemente renovado, o museu é um emblema do cruzamento de culturas em um bairro moderno, dedicado à cena contemporânea.

A arte contemporânea goza de uma cena dinâmica em Genebra, retransmitida por galerias da moda e realizada por instituições líderes: MAMCO (Museu de Arte Moderna e Contemporânea), Centro de Arte Contemporânea, Centro de Fotografia e o Fundo Municipal de Arte Contemporânea. A cena contemporânea concentra-se em torno da rue des Bains, que se tornou um verdadeiro centro nevrálgico, pleno de criatividade.

O contraste com o popular bairro de Plainpalais é impressionante e confere um diferenciado toque de “tendência” a esta parte da cidade. O Museu da Etnografia, reformado em 2014, é um novo símbolo nesta paisagem em constante mudança. Distingue-se por sua fachada inclinada revestida de losangos metálicos que refletem os ânimos do céu, uma arquitetura pensada por Marco Graber e Thomas Pulver.

O museu apresenta mais de mil pessoas e suas culturas. Três vezes por ano, ele se associa às instituições da Rue des Bains quando acontece a “Portes ouvertes festives”, a “Nuit des Bains”, um encontro atraente onde deve-se ver e ser visto.

Museu de Etnografia de Genebra (MEG)
Boulevard Carl Vogt 65-67
1205 Genebra

Fone: +41 (0)22 418 45 50

www.meg-geneve.ch