Percurso artístico único no Loire

arte e cultura
Percurso artístico único no Loire

A partir do porto de Nantes, até o estuário de Saint-Nazaire, as margens do rio Loire revelam algo em torno de trinta obras singulares e contemporâneas cheias de personalidade.

Imaginado por Jean Blaise, o percurso que liga as duas cidades através do Loire é uma cruzada inesquecível (de abril a outubro), que alterna reservas naturais frágeis com edifícios industriais monumentais, pontuado com obras de artistas internacionais nas margens de 12 comunidades.

A primeira que chama a atenção é uma situada ao longo de depósito de bananas no porto de Nantes: os famosos 18 anéis de Daniel Buren e Patrick Bouchain parecem marcar a entrada do porco com os seus círculos de luz; ela fica diante da Lunar Tree, uma árvore fantasmagórica posicionada na colina de Saint-Anne, que é branca durante o dia e fluorescente durante a noite. Um pouco mais distante, uma casa localizada no meio do rio, que parece estar afundando acima da réplica de uma chaminé da central térmica ao lado, é surpreendente.

Se você não quiser tomar o barco, o percurso se segue também pelas duas cidades de Nantes e Saint-Nazaire, com intervenções artísticas que colocam em destaque as duas cidades.

Fone: +33 (0)2 40 75 75 07

www.estuaire.info
www.nantes-tourisme.com