Porto, uma cidade de arquitetura e patrimônio

arquitetura
Porto, uma cidade de arquitetura e patrimônio

Porto é um espetáculo deslumbrante para os fascinados por construções antigas. Arte romana, gótica, barroca ou contemporânea, aqui todos os estilos se reúnem.

Listado como Patrimônio Mundial pela UNESCO, o conjunto arquitetônico do Porto é de uma extraordinária riqueza. Os prédios com azulejos nas fachadas conferem um charme especial à cidade. Cerca de cem monumentos tombados podem ser avistados no centro histórico, nos bairros da Ribeira, Batalha e Miragaia, sobretudo igrejas, comprovando o fervor católico dos portuenses. Do outro lado do rio, na margem sul, não perca o Mosteiro da Serra do Pilar, que oferece uma vista incrível da cidade: a forma circular da igreja é única em Portugal.
Por sua vez, as pontes são parte inerente da história do Porto. Ao todo, seis dominam as margens do Douro. A mais conhecida é a Dom Luís I, projetada por Théophile Seyrig, discípulo de Gustave Eiffel, e não por esse último, como acreditam erroneamente muitos turistas. É verdade que ela se assemelha bastante à construída pelo “mestre”, Ponte D. Maria Pia, localizada a um quilômetro de lá. Símbolo da nova faceta do Porto, a renomada Casa da Música, obra da “estrela” holandesa Rem Koolhaas, representa a transformação da cidade e sua entrada decidida na modernidade.