A ilha de duas faces

Devido aos acontecimentos de setembro de 2017, determinadas informações e locais aqui mencionados podem se encontrar temporariamente alterados. Traremos atualizações regulares e transmitimos todo o nosso apoio aos moradores de São Martinho.

Dois países em uma mesma ilha, dois ambientes distintos. De um lado, a França e sua arte de viver leve e pacata. Do outro, a exuberância e o frenesi noturno dos Países Baixos. Ilha de São Martinho, uma experiência em um cenário de praias de areia branca.

São Martinho, chamada de a Friendly Island, é uma ilha atípica.
Com uma superfície de 87 km², ela comporta nada menos que 120 nacionalidades diferentes e compartilha seu território entre dois países. Uma nacionalidade dupla para um território tão pequeno, é um grande paradoxo para uma ilha cuja única riqueza é a brancura de suas praias e a transparência de suas águas.

De um lado, há Saint-Martin, comunidade ultramarina pertencente à França. Do outro, St-Maarten, estado autônomo do Reino dos Países Baixos. Os dois convivem na mesma ilha, cercada pelas águas do mar do Caribe e pelo Oceano Atlântico, mas cada território possui seu próprio governo, suas leis, seu sistema de saúde e até mesmo seu sistema elétrico.
Dois ambientes diametralmente opostos e apenas uma única estrada circular nesta ilha. Alguns quilômetros adiante, uma bandeira nos mostra que acabamos de entrar na Holanda. Sem aduanas, ou necessidade de passaporte para atravessar a fronteira. Aqui, reina a livre circulação de pessoas europeias bem no meio das Antilhas. Um pouco holandesa, um pouco francesa, Saint-Martin é antes de mais nada internacional.

requentado por uma clientela americana atraída pelo seu clima e suas lagoas, a ilha soube guardar seu charme crioulo, apesar de seu sucesso turístico. Das casas de madeira de Cul-De-Sac às trilhas de caminhada do pico de Paradis, ilhas de natureza selvagem e de autenticidade fazem desta ilha a pequena pérola das Antilhas. Do lado holandês, o cenário se transforma e o inglês é a língua dominante.

Mais gente, mais barulho, mais agitação. A arquitetura muda com as grandes construções que se impõem. As ruas já mostram um grande número de lojas low cost com cartazes chamativos. Relógios, joias, materiais high-tech e material fotográfico atraem os turistas pelos seus descontos. Uma parada imperdível para os shoppaholics! Bem-vindo à Saint-Martin!

Vídeo de descoberta - AO ENCONTRO DE  SAINT MARTIN
Vídeo de descoberta

AO ENCONTRO DE SAINT MARTIN

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
bar fast food

Sunset café, um encontro imperdível

Show de imagens

Nosso álbum de fotografias de Saint Martin e região

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
ecoturismo

Santuário da fauna e da flora

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
esporte insÓlito

Saint-Martin vista do mar

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
compras

Philipsburg, paraíso do duty-free

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
explorar

Marigot, capital animada

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
insÓlito

Maho Beach, encostando em aviões

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
saÍda

Maho, a Las Vegas do Caribe

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
esporte & natureza

Loterie Farm, uma experiência única

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
econÔmico

Lolos, uma cozinha crioula temperada com suavidade

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
clube noturno

Le Bliss, onde a vida noturna acontece em Saint-Martin

Esses destinos
podem interessá-lo

Partindo de :